quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Veja mais Sobre a Colastrina e seus Benefícios

Colastrina é um suplemento 100% natural de colágeno que pode ser utilizado por qualquer pessoa. Eles repõem a taxa que o corpo para de produzir com o avançar da idade. Algumas pesquisa também associaram suplementos de colágeno para melhorar a elasticidade da pele e a umidade da pele.
A Colastrina está se tornando o suplemento antienvelhecimento mais popular de 2016. Todos, de médicos de TV, "blogueiros de mamãe" estão delirando sobre os benefícios dos suplementos de colágeno.
Assim que um novo estudo surgir, os comerciantes e a mídia saltam no movimento para nos vender o próximo milagre em uma garrafa. Talvez o estudo fosse válido. Talvez não fosse. Geralmente, é descoberto depois que todos o compraram.
Nesta postagem no blog, você descobrirá por que os suplementos de colágeno são diferentes. O colágeno não é um suplemento novo, não estudado "milagroso".  Há décadas de estudos sobre os benefícios do colágeno e da gelatina. 
benefícios da colastrina

Seu corpo produz seu próprio colágeno em abundância para fazer sua pele, ossos, cabelos, unhas, músculos e todos os seus órgãos, mas você acaba produzindo cada vez menos à medida que envelhece. Esta é a causa dos sinais de envelhecimento. A Colastrina é feita de colágeno hidrolisados ​​que realmente ajudam a estimular esse crescimento de colágeno em níveis saudáveis.
O colágeno é um tipo especial de proteína que forma uma cadeia longa que atua como "cola" e suporte em seu corpo. Forma uma rede dessas cadeias proteicas que formam a estrutura do seu corpo. O colágeno assume muitas formas em seu corpo. Ele quem confere flexibilidade as articulações, força aos ossos e mantém a pele firme. Também faz parte da estrutura capilar e das unhas.

Colastrina funciona mesmo, devido a sua fórmula feita a partir de moléculas hidrolisadas. A quantidade necessária pra repor a falta desse proteína com o passar da idade não pode ser suprida através da alimentação. Por isso é tão importante fazer a suplementação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário