quinta-feira, 23 de abril de 2020

Lista de pré-candidatos para Prefeito em São Paulo 2020 – Quais os novos nomes?

Com as eleições municipais de 2020 mais próxima a cada dia, o cenário político paulista se transforma para a corrida eleitoral. Alguns dos políticos já anunciaram o desejo de concorrer ao cargo de prefeito ou vereador, apesar de terem até agosto para registrar a candidatura oficialmente. De acordo com a primeira lista de candidatos a prefeito em SP 2020 tudo indica que essa possa ser a primeira eleição municipal a primeira onda conservadora que marcou o ascendente bolsonarismo, em 2018. 



Candidatos a Prefeito em SP 2020


As pesquisas preliminares do Estadão em parceria com o Ibope demonstram que 44% dos eleitores dizem preferir nomes que não tenham participado de candidaturas passadas, mostrando uma intenção de renovação da política paulista. A intenção pode ser um indício de boa aprovação para o Celso Russomano, que já declarou que vai participar da corrida eleitoral de 2020, sob o partido PRB. Outros nomes já confirmados na lista preliminar são:

  • · Celso Russomano – PRB
  • · Guilherme Boulos – PSOL
  • · Joice Hasselmann - PSL
  • · Filipe Sabará – Novo
  • · Bruno Covas – PSDB (atual prefeito do Estado de São Paulo)
  • · Márcio França – PSB
  • · Orlando Silva – PcdoB
Ainda não há nomes cotados para a sigla do PT e PMDB, espera-se que até a lista oficial divulgada pelo Tribunal Regional Eleitoral em agosto a sigla tenha cotado nomes para participar da corrida eleitoral do ano.

Prefeitos eleitos no Estado de São Paulo em 2016


Abaixo segue a lista completa de prefeitos eleitos no Estado nas últimas eleições municipais, em 2016. A lista foi originalmente publicada no G1:

Agenda eleitoral da América Latina em 2020

O plebiscito para a criação de uma nova Constituição no Chile, as eleições presidenciais de República Dominicana e Bolívia, e as legislativas de Peru e Venezuela e as eleições municipais do Brasil são os processos eleitorais mais importantes do ano na região. 




Bogotá, Colômbia


A eleição presidencial da República Dominicana, que terá lugar em maio, juntamente com a da Assembleia Nacional da Venezuela, sobre a qual há mais incertezas que certezas, mas deve ser realizada em dezembro, pareciam ser as únicas votações importantes do ano.

No entanto, a agitação política de 2019 na região latino-americana teve como resultado a programação de jornadas eleitorais que não estavam previstas para 2020. Estas são as votações que marcam a agenda eleitoral de América Latina este ano:

O plebiscito do Chile para criar uma nova Constituição


Os chilenos votarão um plebiscito no próximo dia 26 de abril para mudar a Constituição no que é considerado como o resultado mais contundente das manifestações, que viveram em outubro e novembro de 2019.

30 anos do fim da ditadura, o Chile poderá mudar a sua atual Constituição que, apesar de suas múltiplas alterações, tem o ônus de ter sido criada em 1980, durante os anos em que Pinochet permaneceu no poder.

O plebiscito foi convocado pelo presidente chileno, Sebastián Piñera, no passado dia 23 de dezembro, no meio da promulgação de uma reforma para mudar a Constituição, que foi aprovada com amplo respaldo tanto na Câmara dos Deputados como no Senado.

A reforma, por sua vez, havia sido o resultado de um acordo que foi atingido por vários partidos políticos, em meados de novembro, em resposta às manifestações, que viveu de forma intensa no Chile, no final de outubro do ano passado, onde morreram ao menos 26 pessoas, segundo dados da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH).

A eleição presidencial de Bolívia



Em 3 de maio deste ano, cumprir-se-á a eleição presidencial na Bolívia, que foi programado pelas autoridades locais após a renúncia de Evo Morales e as denúncias de fraude nas eleições de 20 de outubro de 2019.

Após a renúncia de Evo Morales, no passado dia 10 de novembro, a deputada Jeanine Áñez proclamou-se chefe de Estado da Bolívia, no Parlamento, em uma sessão sem quórum, ao argumentar que assim o estabelece a ordem constitucional.

O exmandatario renunciou pressionado pelas forças de Polícia e o Exército, depois de vários protestos e denúncias de fraude nas eleições presidenciais de 20 de outubro, que venceu e que lhe permitiu manter-se no poder por um quarto mandato até 2025.

A escolha é a disputar um candidato do partido Movimento Ao Socialismo (MAS), que ainda não foi definido, o líder do chamado "movimento cívico" Fernando Carvalho, e o ex-presidente e segundo lugar na votação do passado mês de outubro, Carlos Mesa. A lista final de candidatos será divulgada no próximo dia 3 de fevereiro.


A eleição da Assembleia Nacional da Venezuela


No meio de sua crise política, este ano, a Assembleia Nacional (AN) da Venezuela (única instituição reconhecida pela oposição) deve renovar seus deputados.

A realização da eleição é imprevisível devido ao atual choque que existe dentro da instituição, onde um grupo de deputados reconhece como presidente do legislativo Luis Parra, enquanto que outro setor acredita que João Guaidó é o legítimo líder da AN.
A eleição de congressistas em Peru

Peru terá eleições legislativas no próximo dia 26 de janeiro. A jornada eleitoral se realiza devido à dissolução do Congresso, ordenada pelo presidente Martín Vizcarra, no passado dia 30 de setembro.

Vizcarra considerou que em um mesmo mandato que lhe havia sido negado pelo Congresso, duas vezes, uma solicitação de uma questão de confiança ao Executivo, com o que a Constituição o permitia para dissolver o órgão legislativo.

O presidente peruano assumiu como negado o pedido de questão de confiança, com o que buscava mudar o mecanismo de escolha dos membros do Tribunal Constitucional, depois que
Eleições de chefes de Estado na República Dominicana e Guiana

Outros países que elegem seus futuros chefes de Estado, República Dominicana e Guiana. No primeiro caso, Leonel Fernández (ex-presidente em três ocasiões) buscará seu quarto mandato em uma eleição onde vai enfrentar o líder de seu antigo movimento político, o centroesquerdista Partido da Libertação Dominicana (PLD), Flávio Castelo, ao qual também pertence o atual presidente Danilo Medina.

A oposição vai enfrentar o PLD com o empresário Luis Abinader, candidato pelo Partido Revolucionário Moderno (PRM). As eleições na República Dominicana, a serem cumpridas no próximo dia 17 de maio.

A guiana, por sua vez, terá eleições legislativas, onde o líder do partido vencedor será o novo chefe de Estado. As eleições se realizarão no próximo dia 2 de março.

segunda-feira, 20 de abril de 2020

É preciso fazer TCC numa pós-graduação à distância?

Atualmente um curso superior apenas não é garantia de uma boa colocação profissional, para se destacar no mercado, você precisa estar sempre se atualizando e se especializando na sua área de atuação.

Pós Graduação EAD
Fazer uma pós-graduação pode te ajudar a dar um salto importante na sua carreira. Uma pesquisa realizada no Brasil mostrou que ter um curso de especialização pode significar um aumento de até 53,7% no salário.
Por isso hoje, vamos te falar sobre as vantagens em cursar uma pós-graduação a distância.

Para quem já trabalha ou já faz outros cursos, a pós-graduação a distância é a melhor opção. As aulas podem ser vistas no horário e local que for melhor para você, seja no intervalo do trabalho, em um dia de folga ou depois do expediente.
O valor da mensalidade é mais baixo, já que a instituição não precisa de um amplo espaço físico para acomodar os estudantes diariamente. E você poupa o tempo de deslocamento, podendo estudar do conforto da sua casa, durante um intervalo no trabalho ou como preferir, aproveitando melhor suas horas.
Outro ponto importante de ser comentado é que a pós-graduação EAD conta com uma diversidade maior de materiais do que você teria acesso em uma sala de aula presencial. O professor pode contar com ferramentas digitais, assim como livros, DVDs e videoaulas para tornar o ensinamento mais dinâmico e com melhores resultados. na pós-graduação a distância, o aluno ainda encontra uma unidade de ensino que não é possível em outras modalidades, já que o mesmo professor que grava as videoaulas desenvolve o material didático. Dessa forma o conteúdo fica completo, não deixando brechas para possíveis dúvidas.
Outra vantagem importante é que não há distinção no diploma, então não importa se você concluiu a pós EAD ou presencial, essa informação não constará no seu certificado. O que faz sentido, já que os cursos são iguais na qualidade, mantendo o mesmo currículo de ensino.

O TCC é obrigatório na pós-graduação?

Ao longo do tempo, para concluir uma pós-graduação, seja presencial ou a distância, era requerido do aluno que apresentasse um Trabalho de Conclusão de Curso, o famoso TCC.
Porém, em 2018, o Ministério da Educação (MEC), publicou a resolução N.01/06.04.2018, que define que o trabalho de conclusão de curso e a defesa presencial deixaram de ser obrigatórios para todos os cursos de pós-graduação.

Porém, existem algumas ressalvas que precisam ser observadas antes de você iniciar a sua pós ead. Os candidatos que desejam prestar concursos públicos, precisam ficar atentos ao edital, pois em muitos casos é necessário a entrega do TCC para validação do título e pontuação correspondente.

Ou caso você já seja funcionário público e está iniciando a pós-graduação pois deseja uma progressão salarial ou de carreiras, precisa ver com a prefeitura da sua cidade se essa progressão só é aceita com a apresentação do TCC.

Então agora que você já sabe todas as vantagens sobre a pós-graduação a distância, já pode começar a pesquisar o curso certo para você. Mas lembre-se de escolher uma instituição que seja credenciada junto ao MEC, do contrário, seu certificado pode não ter validade e você não vai poder usufruir dos benefícios que o curso te traria. 

quinta-feira, 16 de abril de 2020

O que vender para ganhar dinheiro


Vender produtos é uma alternativa para ganhar dinheiro de maneira mais rápida. Mas, para atingir esse resultado é preciso focar em dois pontos essenciais: saber o que (produto) e como vender.


A seguir, damos dicas para lhe ajudar a definir o produto e forma de venda. Confira e coloque as informações em prática para aumentar a chance de sucesso de seu negócio!


Sugestões de produtos para vender

Existem ramos que mesmo em época de crise econômica conseguem gerar um fluxo contínuo de vendas. Um ótimo exemplo disso é o de beleza, com venda de cosméticos, maquiagens e itens de higiene pessoal.

Além disso, a venda de alimentos também é uma boa ideia, principalmente se tiver algum diferencial, como ser exclusivamente orgânica ou trabalhar somente com delivery.

Existem, ainda, outros segmentos como o de eletrônicos, roupas e acessórios, que normalmente atraem um público maior e geram possibilidade elevada de venda.



Como vender produtos e ganhar dinheiro

Depois de estabelecido o produto, é interessante definir a forma como ele será vendido. Há estratégias que trazem melhores resultados em curto e longo prazos, como:


Venda pela internet

Hoje, estar na internet é fundamental para ser encontrado e potencializar as chances de venda. Além disso, uma estrutura online é muito mais barata do que montar uma loja física.

Portanto, invista em um site para a empresa e numa loja virtual, trabalhos que podem ser feitos por uma empresa de marketing digital. Dependendo do produto, também é possível entrar em aplicativos de delivery, o que aumenta ainda mais a chance de venda.


Esteja em redes sociais

As redes sociais são aliadas para dar visibilidade à sua empresa, marca e produtos, bem como para criar um canal direto de comunicação com clientes e potenciais clientes.

Mas, é importante investir em uma estratégia bem estruturada nas redes sociais, com criação de conteúdo, planejamento de postagens, interação com seguidores e campanhas patrocinadas, trabalho mais simples de ser implementado com o suporte de uma consultoria de marketing digital.

sexta-feira, 20 de dezembro de 2019

IPVA 2020 no Rio Grande do Sul - Saiba quanto e quando pagar o imposto


O contribuinte que mora no estado do Rio Grande do Sul recebe boas novas para o ano de 2020: o proprietário de veículo vai pagar o IPVA RS 2020 com menores taxas ficar mais barata e o calendário de pagamento já foi definido para a cobrança de mais uma edição do Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores.

Pelo novo calendário de IPVA que estará oficialmente disponível para consulta no portal do Detran RS a partir de 17 de dezembro. Segundo o governo, os contribuintes que fizerem o pagamento antecipado do imposto até o dia 30 conseguem descontos de até 23,9% no valor completo do imposto.

Como descontos também estão previstos redução de 5% a 15% no valor da taxa para quem faz parte do projeto Bom Cidadão, implementado em 2018 e que promove incentivos fiscais para quem não comete multas de trânsito. Quem usa o Nota Fiscal Gaúcha também poderá obter descontos de até 5% no pagamento para quem tiver 150 notas ou mais, 3% para quem tiver entre 100 a 149 notas e de 1% para quem tem entre 51 a 99 documentos fiscais cadastrados no programa.


Quando pagar o IPVA 2020 no Rio Grande do Sul


A tabela de pagamento do IPVA do Rio Grande do Sul funciona com base no final da placa veicular, devendo incluir todos em abril de 2020 e concluir todos os pagamentos parcelados até julho, para que o dinheiro do contribuinte já esteja em caixa para ser utilizado a partir do segundo semestre pela Sefaz. Sendo assim, as datas para o pagamento da primeira parcela são:

· Placa com final 1 – 01 de abril de 2020

· Placa com final 2 – 03 de abril de 2020

· Placa com final 3 – 06 de abril de 2020

· Placa com final 4 – 08 de abril de 2020

· Placa com final 5 – 13 de abril de 2020

· Placa com final 6 – 15 de abril de 2020

· Placa com final 7 – 17 de abril de 2020

· Placa com final 8 – 22 de abril de 2020

· Placa com final 9 – 24 de abril de 2020

· Placa com final 0 – 27 de abril de 2020

segunda-feira, 9 de dezembro de 2019

Prova prática Detran MA – como é o percurso de moto e de carro

Para quem está tirando a CNH do Detran Maranhão no ano de 2020 os principais vilões do processo de habilitação são as provas de carro e moto. Para quem vai fazer as provas no Detran Maranhão vale a pena ficar de olho nas recomendações que podem ser decisivas para você passar pelas regras ríspidas dos avaliadores.

Passo a Passo do percurso de moto

  • · Inicia a prova a partir do momento que baixa a viseira (não esqueça de baixá-la)
  • · Liga a moto com o pé direito com o freio apertado e abaixa o pezinho (não esquecer disso também)
  • · Inicia na meia embreagem e vai até o pare.
  • · Passe pela rampa, se preferir em primeira marcha para ser mais rápido.
  • · No primeiro pare lembre-se de averiguar se o próximo condutor já terminou a rampa
  • · Para passar pela rampa o segredo é ir rápido para não preencher o equilíbrio
  • · Não precisa parar no próximo pare, já que é só para quem está voltando
  • · Vem o cone
  • · O Oito (o segredo é fazer curvas abertas)
  • · Depois do oito entra no labirinto (não esqueça de dar a seta ao entrar)
  • · Entre no oito novamente
  • · Vem o cone novamente
  • · Dê o pare e lembre-se de verificar se o próximo candidato já terminou o percurso
  • · Passe pela rampa
  • · Desliga a moto, desce e sai empurrando.
  • · Agora o avaliador deverá dar a sua nota, se aprovado ou reprovado.


Passo a passo do percurso de carro

  • · Entre no carro, coloque o sinto de segurança e verifique se os demais estão também com cinto de segurança (inclusive o avaliador);
  • · Vá até o local da baliza. Faça a baliza dentro de um minuto e meio e não se esqueça que é preciso voltar para a marca de onde inicio o teste para terminar o exame;
  • · Você sairá para a rua e deverá seguir as coordenadas do instrutor bem como as regras de sinalização das ruas tal como aprendeu na autoescola;
  • · Em determinado momento o condutor será chamado para parar e então o próprio avaliador o levará de volta para o pátio do Detran MA, junto com os demais participantes da prova – se o carro tiver outros alunos da mesma autoescola.

As leis de trânsito brasileira mais infringidas por recém-condutores

Conduzir no Brasil não é para todos. Com mais de 1 milhão de quilômetros de Rodovias, muitas das quais não estão pavimentadas, o tamanho do Brasil não deve ser subestimado. Dependendo de seus planos de viagem, você vai se deparar com uma variedade de tipos de estrada, desde as rodovias trancadas em grade de São Paulo para as estradas de terra selvagem na região amazônica.

Se você está planejando uma viagem de estrada através do Brasil, ou está apenas olhando para alugar um carro para uma viagem de um dia para uma praia distante, há algumas coisas que você deve saber antes de ficar ao volante no Brasil.



Requisitos para dirigir no Brasil


Estrangeiros com mais de 18 anos são autorizados a conduzir no Brasil por até 180 dias se tiverem uma licença válida de seu país de origem.

Regras da estrada


Ao conduzir no Brasil, esteja ciente das regras locais e fique de olho nos sinais de estrada, que serão todos em português. Porque muitos brasileiros não falam Inglês, você deve aprender algum vocabulário básico carro para a sua viagem. Se possível, Pratique falar com alguém que está familiarizado com a língua, já que muitas palavras como carro (carro) e rua (rua) não são pronunciadas da maneira que parecem ser escritas.

  • Limites de velocidade: o limite de velocidade no Brasil é tipicamente 30 quilômetros por hora (18 milhas por hora) em áreas residenciais, 60 km / h (31 mph) em avenidas principais, e entre 80 e 110 km / h (50 e ,60 mph) em estradas principais.
  • · Sinais de trânsito: os sinais de trânsito no Brasil seguem padrões internacionais, mas estejam atentos aos sinais de stop, que serão escritos em português como "PARE"."
  • · Lombadas: muitas cidades do Brasil usam lombas em português. Eles são geralmente, mas nem sempre, pintados com riscas brilhantes. Deve haver sinais de aviso antes do galo, mas ocasionalmente pode não haver.

  • · Cintos de segurança: é obrigatório para todos os passageiros usar um cinto de segurança no Brasil.
  • · Álcool: o Brasil tem tolerância zero para conduzir sob a influência do álcool. O limite de concentração de álcool no sangue (BAC) é .02% - equivalente a uma cerveja ou um copo de vinho.
  • · Portagens: muitas rodovias no Brasil são financiadas e mantidas por uma empresa privada usando um sistema de portagem. As portagens podem variar entre 5 e 20 Reais Brasileiros, dependendo do seu carro.
  • · Estações de gás: existem cinco tipos de combustível vendidos em postos de gasolina no Brasil: gasolina regular, gasolina premium, etanol, diesel e gás natural, por isso certifique-se de que você está enchendo com o combustível certo para o seu carro. Não há estações de auto-serviço no Brasil, por isso um atendente vai ajudá-lo.
  • · Telemóveis: sem um dispositivo sem mãos, pode ser multado por usar um telemóvel, mesmo que esteja sentado no trânsito.
  • · Separação da faixa de rodagem: motociclistas muitas vezes fazem o seu caminho entre faixas quando o tráfego chega a uma parada e mesmo quando ele está fluindo em velocidade regular, que é conhecido como separação da faixa de rodagem.
  • · Em caso de emergência: se algo acontecer, marque 198 para a polícia estadual e 192 se precisar de uma ambulância.